Olhando para o futuro

Os alunos da Universidade de Pforzheim, na Alemanha, aprendem seu ofício na seção Design de Transporte. Seguindo os passos do ex-aluno Michael Mauer, diretor de Design do Grupo Volkswagen, eles desenvolveram seu primeiro projeto acadêmico de design automobilístico em uma semana: um futuro 911. Uma comparação de perspectivas.

km 038–060
3. Weissach
4. Pforzheim

Melina Mühl:

Melina Mühl:

“Tudo aconteceu intuitivamente, até o extremo. Eu não queria ser discreta, mas ousada”
“Meu projeto de um novo 911 deve enfatizar suas curvas. A forma de uma gota foi importante para mim. Não há nenhuma aresta que atrapalhe”
Espírito livre:

Espírito livre:

criatividade, coragem e o teste das próprias possibilidades constituíram o foco do projeto de uma semana. Para o professor Gernot Bracht é aqui que está o fascínio: “Assumir algo imparcialmente, sem fazer parte de um sistema já existente – isto é estimulante. Para se ocupar profundamente com um tema, para encontrar abordagens diferentes. Começa-se sempre com uma folha de papel e uma caneta – a partir daí pode ser que, por acaso, alguém conte uma história”
Bo Zhang:

Bo Zhang:

“Os carros de hoje são muitas vezes bem complexos, sobrecarregados de detalhes. O 911 é o contrapeso, ele é e permanece clássico. No redesenho eu mantenho as linhas essenciais. Não quero mudar demais, mas tento descobrir onde ele tem mais força. Meu maior objetivo foi controlar seus pontos culminantes”
“A moderação é um ponto substancial: a linha do 911 é muito precisa e bela – e ao mesmo tempo simples”
David Kose:

David Kose:

“A parte traseira do meu modelo é extremamente rebaixada. A ideia principal é de que, no futuro, não serão mais necessárias luzes traseiras, porque a comunicação em tráfego semiautônomo não ocorrerá mais através de luzes. Além disso, quis seguir a linha do 919: luzes frontais verticais causam uma forte ruptura com a tradição”
Larissa Imhof:

Larissa Imhof:

“Para mim, a parte traseira do 911 é a mais importante, pois aqui se encontra o motor. Portanto, há muita tensão nessa área, aqui a criatividade tem seu melhor espaço”
“Muita coisa se projeta no 911: esperanças, sonhos, desejos”
“Eu queria ousar algo novo – e logo surgiu uma ideia: cultivar e expandir as curvas do 911. Simples, e ainda assim luxuoso”
Kyungwon Kim:

Kyungwon Kim:

“Um aerofólio deve se tornar elemento integrante da parte traseira afunilada. Os para-lamas são mais altos, pois a necessidade de uma visão geral perfeita em breve será desnecessária em função da assistência de direção”
Janis Riehl:

Janis Riehl:

“As áreas escuras têm um significado simbólico: a cabine do motorista, a faixa elétrica e a localização tradicional do motor traseiro. Através da ideia de uma traseira em forma de cápsula eu quis abordar o tema da construção leve, que foi um tópico importante, principalmente no caso do primeiro 911, mas que hoje passou um pouco para o segundo plano”

Christian Lamping
Christian Lamping